A maquineta trabalha que se farta!

quarta-feira, 23 de abril de 2008
...Sábado de manhã acordámos e a casa cheirava a pão...ainda tive que aguardar 10 minutos para poder tirar o dito de dentro da máquina...coitado do meu 1.º "pânito"...devia estar até envergonhado de tanto ser observado pelo vidro da maquineta...

E mal acabou o tempo lá saíu ele todo contente da forma...bem...não saíu logo, logo, porque aconteceu-me um fenómeno que acontece uma vez em 100 (claro que tinha que me acontecer a mim...claaaaaroooo!)...As pás misturadoras da máquina ficaram escarrapachadas no pão e tive que as desenterrar...Fora isso acho que a primeira experiência foi muito positiva!


O nosso primeiro pão...e logo um pão francês, vejam lá que finos!

-Qu'é que achas? (eu com a boca cheia de pão quentinho)
-'Tá bom! ( o Mike )
-Ficamos assim a saber ao que sabe o tal do pão francês da receita...eh eh eh ( eu, a observar a nossa criação...)
-Sabes lá...( o Mike a olhar de esguelha)
-Sei lá?! Então, segui a receita e deu "isto", "isto" é que deve ser um pão francês...(eu já a afinar...)
-Pois, mas lá porque deu "isto" não quer dizer que "isto" seja o que era suposto dar...mas está bom...

Como não poderia deixar de ser, tal como menina com brinquedo novo, experimentei também fazer massa fresca para tagliatelli e para raviolis...

O tagliatelli fiz seguindo a receita do Jamie Oliver e adicionei coentros...os raviolis até correram bem, não fosse eu lembrar-me de os colocar literalmente ao molho em cima uns dos outros...
Resultado: quando tinha já a água a ferver para os cozinhar, estavam todos colados, metade foi para o lixo a outra metade ficou toda distorcida de tantas puxadelas, abriram...um miséria...eu e a mania das presssas...Das massas frescas ainda tenho outro resultado: uma bolha e calos nas palmas das mãos e ainda hoje me doem os braços, que é para aprender a não ser bruta a estender a massa com o rolo...

Para terminar experimentei fazer um brioche e Segunda-Feira fiz uns pãezinhos integrais (agora é que é testar tudo, não é depois de entrar no prazo de garantia).

O brioche ficou um pouco tostado demais, mas de sabor estava bom...devíamos era ter esperado um pouco mais para o cortar, tal como aconselham no manual da máquina, já que feitos garganeiros atacámos logo e estava tão macio e quentinho que se desfazia todo...Mas também se uma pessoa espera, que graça é que tem? Eu sou uma ferverosa adepta dos pães e bolos quentinhos :-) nham nham!

Quanto aos pãezinhos integrais fiz uma receita do
Virtual Chef , apenas substituí a manteiga por azeite..e fiquei muito satisfeita...
Já estava farta de ver nos ingredientes dos pães integrais, montes de açúcar e gordura...E normalmente não ficam como eu quero: 100% integrais...
Fiz cerca de 22 pãezinhos pequeninos (congelei a maior parte), que é para eu não exagerar na dose diária...Puz umas sementes por cima, mas como não humedeci o pão elas não colaram...eh eh eh...sou mesmo uma aprendiz de padeira...

Apreciação ao fim de 4 dias (cof, cof, cof) :
Prós:
- Pão quentinho ao acordar (será um "pró?");
- Pão mais caseirinho;
- Amassar e levedar sem qualquer esforço
- Pôr tudo lá para dentro e tumba ao fim de pouco mais que 3 horas (ou menos se usar o programa rápido) já há pão;
Contras:
-O formato sempre igual...mas que pode ser alterado se tirarmos o pão antes da cozedura ou se só pusermos o ciclo de amassar;
-Os dois buracos que ficam na parte de baixo do pão por causa das pás de amassar;
-O pão quentinho?Hum?Come-se o dobro!

Agora estou desejosa de fazer pão de cereias, pão de nozes, pão com batata doce, pão de banana, paezinhos de leite, pão de e com chouriço, bolos...aiiiiiiii!
E já comprei um livro jeitoso para me ajudar (Manual Enciclopédico do Pão Caseiro) e encomendei outro (Pão-Como fazer á Mão ou á Máquina)que já chegou á livraria.
(O que vale é que dou uso também á minha bike, senão...)

bjs, Framboesa

20 zum-zun(s):

Luna Says:
23 de abril de 2008 às 13:49

eu acho que o teu pãozinho ficou todo bonito :) se souber assim tão bem, acho que a máquina é uma excelente aquisição! Tal como dizes,assim saber o que estás a comer, enquanto q com os outros nem sempre é assim.
Um truque para n comeres muito é só fazeres o essencial, ou então congelar alguns como fizeste com os pãezinhos integrais
beijinhos e continua :) ainda vais ser uma padeirinha 5*****

Maria Says:
23 de abril de 2008 às 14:28

Olá já te visito á algum tempo mas hoje tenho que te dar os parabéns, fartei-me de rir e fez-me lembrar quando comprei a minha maquina de pão, tivemos que esprimenta-la no mesmo dia, resultado tive-mos que esperar até as 3 h da manhã para provar o dito pão...

eu Says:
23 de abril de 2008 às 15:02

eu tb tenho um brinquedo desses e é um vicio.. mas eu sou mto perguiçosa e faço sempre o mesmo pão: o dos pacotes do lidl. q marca é a tua? a minha é uma marca branca da conforama mas dá p o gasto.. e as pás ficarem lá dentro é normal... isso até tem um acessório pa as arrancar.. certo? bjks

Framboesa Says:
23 de abril de 2008 às 15:35

Para EU

ò EU, n tens o perfil disponivel por isso num msei qual é o teu blog...
Olha a minha é uma tefal XXl, cfr o link q ta no site...e n faço da marca lidl ainda, mas qd fizer v fazer mistura d efarinhas pq me disseram q só a ppa massa do lidl fico super pesado e n cresce muito...mas eu adoro inventar e testar...v fazer tds as semanas diferentes...ai vou vou!

karoxinha Says:
23 de abril de 2008 às 15:48

Olá

eu nao te disse que nao era uma boa ideia omprares a maquina!?!?!? eui avisei... agora pao quentinho todos os dias, ai ai... tu dá mais uso à bike q a maquina :D

olha... sera que quando fizeres paozinho, podes passar la em casa e deixar uns quentinhos... é que estes redondinhos teem um otimo aspecto... mesmo deliciosos... aiiii.... decididamente é uma máquina que aqui a Karoxa maria nao vai poder ter lá em casa...

bjinhos karinhosos a babar pelo teu pão...
karoxinha

Sandra Says:
23 de abril de 2008 às 16:08

Miga, tenho de te fazer uma pergunta!
Andaste a comer pão quentinho até hoje????????????
Andaste desaparecida gajaaaaaaaaaaa...já tinha saudades dos teus comentários!!!!

és uma doida mas muito querida!!!!

:)))))))))

beijinhos e obrigado por tudo!:)

Jojozinha Says:
23 de abril de 2008 às 17:22

ai ta tudo com um optimo aspecto sim senhora! :)

tu tás é doida...nao vás ver o filme, a serio... eu ia morrendo de pânico!!!!

beijinho =)

Ana Garras Says:
23 de abril de 2008 às 18:12

ai ai tanto pãozinho!!! Vais ter mesmo que pedalar muito porque o recomendado é só 1 por dia...
Toca a controlar.
Quando fizeres o de banana mandas-me para eu provar? :p
Jinhux

Virtual Chef Says:
23 de abril de 2008 às 22:43

Olá Framboesa, parabens pelo seu blog (que não conhecia) e pelos seus belos pães!
Deixo-lhe mais um livro fantástico para adicionar à sua lista: Pão & Cª, da editora Lisma. Está à venda na FNAC.
Beijo e bons pães!

sofia Says:
23 de abril de 2008 às 23:20

Então e esse bolo do caco? Olha, apesar das sementes se soltarem, todos os pães têm um aspecto deveras delicioso! E ter pão quentinho de manhã, realmente, isso é que é qualidade de vida!Para queimar calorias dos hidratos de carbono ingeridos, a bike é boa opção. Eu com uma máquina de pão até pedalava enquanto comia um pão quentinho! abraços culinários (vou fazer scones...)

Estela Says:
24 de abril de 2008 às 01:12

Olá!
já me ficou a vontadinha dum bicho desses...e logo eu que adoro pão!! Mas não posso, não enquanto não estabilizar no peso, pois seria uma sabotagem na reeducação...

beijihos e boas experiencias!

Kat-ita Says:
24 de abril de 2008 às 09:15

ai ai... essa máquina foi a minha desgraça assim que a comprei, lolol.
Agora que já estou "amestrada" já me sei conter. mas que o pão fica maravilhoso, fica. O pessoal cá em casa adora!!
Depois conta se o livros realmente valem a pena. Já agora em que livraria??
jokias

turbolenta Says:
24 de abril de 2008 às 12:40

Ai.........ai............
agora sim!
Põe-te a pau! olha que a "chicha" incha!
Por acaso gosto de pão quentinho com manteiga.E adoro pão de milho quente barrado com manteiga e acompanhado de boas azeitonas pretas.
Quando era miúda lembro-me de ver fazer pão lá na casa da minha avó.Faziam em quantidade industrial e era muitíssimo bom. Sei que só levava farinha, água e fermento e era todo batido à mão. Depois, fazia-se uma cruz por cima da massa, tapava-se com uma toalha branca e por cima desta levava um cobertor que tapava a chamada "maceira" toda. Quando levedava,punham um pouco de farinha numa tijela, sacudiam o excesso e punham uma bola de massa.tiravaescorrfa
Davam-lhe várias voltas e depois....eram postas numa pá que as levava ao forno a lenha para cozer.
E eu e as minhas primas esperavamos que ele saisse para nos alambazarmos todas com aquela maravilha.
Por isso, acho que pão feito sem a máquina, e em pequena quantidade, também não deve dar muito trabalho, (porque pode sempre ser amassado com a batedeira de varas em espiral). E também não deve demorar mais que as 3 horas da maquineta de pão.
Mas eu não me aventuro.Sen
ao arrisco-me a que em vez de pão saia roda de pneu rebentado.
bons pa~ezinhos
bom fim de semana

turbolenta Says:
24 de abril de 2008 às 12:46

Com que então o pai para a reforma, não?
Ele que aproveite bem o tempo, desde já.Que passeie,faça as coisas que gosta, arranje hobbies ou actividades que goste e viva a vida tal qual merece.
que tudo corra bem.
felicidades nesta nova vida
bom fim de semana

Queruby Says:
24 de abril de 2008 às 14:03

Se ficou tão bom como bonito, então estava optimo :)isso agora vai ser uma desgraça, lol
Querida um optimo fim de semana, os parabens para o teu papa :)

Beijufas de Luz!!

Luazzinha Says:
24 de abril de 2008 às 15:52

ola :)
tanto pão :) ja me abris te o apetite :) com tantas experiencias tens mesmo de dar uso á bicicleta se nao... :D no natal ja sei o que vou receber da tua parte... um belo de um pão :D
bjs

AnaLua Says:
24 de abril de 2008 às 16:33

miga tou roidinha de fome...ate ouço o meu proprio estomago a roncar de gula so de olhar para essas iguarias!!!!!!!

bjinhossssssss

Ana Says:
25 de abril de 2008 às 14:31

Va la passa um bocadinho de pao para aqui, ja tenho o frasquinho de doce de figo com sementes de sesamo e ricotta fresquinha a espera do teu paozinho.

Dolfy Says:
25 de abril de 2008 às 16:29

Olá linda!!!

Sim senhora pao quentinho hummmm ca bom!!!!!

Essa maquina nao era uma boa solucao para mim confesso ;))
Comia q me fartava e lá se ia a ra...nao é q assim nao abuse tambem....mas enfim..tenho me esforçado!!

Bom fim de semana prolongado e faz muito paozinho, padeirinha linda ehehehhehe

Alice Says:
1 de março de 2009 às 10:40

Olá!
Comprei esta semana uma TEFAL XXL. Já experimentei fazer um pão da SABERES & SABORES ( pão de milho e mistura) e saíu queimado apesar de eu ter seleccionado crosta CLARA. Fiz também o bolo de limão (1,5 Kg) cuja receita está no livro de receitas da Tefal. Escolhi outra vez a crosta clara e saíu mais uma vez queimado! Isso também acontece a todos os que tem a máquina TEFAL ou é defeito da minha?

Cumprimentos
Alice