E o bife com batatas fritas?!

quinta-feira, 6 de março de 2008

Das duas uma
Ou estou doida...ou para lá caminho...
Não há meio termo...nem volta a dar...
Parte I
A colecta:
  • De há uns tempos para cá dou comigo a colectar tudo o que é receita da net...(que eu de certezinha vou fazer...)
  • Estou subscrita em cerca de 40 blogs de culinária ( eu até desconfio que são mais...)
  • Recebo newsletters de uns 10 sites de culinária...
  • Tenho um blog ao qual só eu tenho acesso, para onde remeto e posto todas as ditas receitas, que me dou ao trabalho de catalogar com etiquetas razoáveis como "aves" e "acompanhamentos", mas também com etiquetas bizarras como "receita especial" ...( o critério para eu achar que uma receita espedcial é levar algum ingrediente que eu chego á conclusão que não existe em portugal, 10 minutos antes de começar a fazer a receita)
  • A quantidade de receitas que eu tenho catalogadas como "try it"( a testar) é tão longa que teria necessidade de fazer uma por dia durante 5 anos...

Parte II

Bolos, Sobremesas e Outras Delícias que a malta de nossa casa não costuma comer

Tendo em conta que eu evito com todas as minhas forças comer sobremesas, bolos e afins, pelo menos em casa...começo a achar estranho ter como meta fazer qualquer coisa desta categoria calórica uma vez por semana...
Porque, se eu não como e o outro comensal lá de casa come um pouco mais que eu...Quer dizer...Como é que se desenrasca o resto da população mundial que faz sobremesas e bolos dia-sim dia-não? Eu até me dou ao trabalho de fazer meias doses, tipo meia-meia colher de essencia de baunilha, meia gema de ovo...
E ontem estive num site a ver se apreendia a metodologia técnica de fazer bolos...Que é como quem diz estive a ter uma aula de química e dei comigo a aprender a diferença entre bolos esponja e bolos de manteiga e porque é que uns se batem mais, outros crescem menos e mais uma quantidade de conceitos que, desconfio, sejam completamente estranhos a qualquer pasteleiro que se preze...
Parte III
E o bife com batatas fritas?
Com a história de experimentar receitas novas, acho que já me esqueci do que é que se comia em nossa casa antes deste meu mais recente "amoque"...Deixou de haver bacalhau cozido com legumes para haver "Bacalhau á Chef Gustav Renhónhó, com batatas flambeadas em crosta de farinha do pará"
E agora...como se não tivesse já uma enciclopédia virtual abastada...também ando a colectar receitas em espanhol e inglês...
Estou doida não estou?

bjs, Framboesa

15 zum-zun(s):

Garfieldzita Says:
6 de março de 2008 às 13:15

olá!

Também eu tenho um arsenal de receitas para fazer enorme! mas axo que tu vais mais longe do que eu..lol

Tive a ver um post antigo e vi que também vez o Extrem Makeover... também eu fico fascinada com o programa, com as coisas que eles conseguem fazer e fazem de acordo com as vontades e desejos de cada pessoa que habita na casa..

E também vi o programa da Mãe/ Esposa que faleceu.... fiquei muito comovida, especialmente pela maneira como os meninos falavam dela.... o resultado foi fantástico... faltava lá só mesmo a senhora...

bjokas grandes!

rosachok Says:
6 de março de 2008 às 15:16

Não sei porquê... mas nos últimos dias os posts novos não apareciam... parece que não tinhas saídos dos queques...
Li atentamente cada palavra... ri com a aventura das receitas... aprendi com o fim da dieta que também devia fazer...
Mas quando cheguei àquele post... à história daquela mãe... daquela mulher... o sorriso desvaneceu-se e só senti tristeza... muita!
Levo daqui este pensamente sobre o qual vou refletir com o objectivo de me sentir grata pelo TANTO que tenho :)

Beijos em reflexão

PS respondi-te no atelier

Juanita Says:
6 de março de 2008 às 21:08

doida?! não!! CLARO QUE NÂO!! eh eh
eu tb adoro colecionar receitas e testa-las...mas tal como tu o tempo para as comer não chega eh eh...além de que o jorge reclama pq se eu não como, pq que é que ele tem que comer?! (tenho que lhe dar razão)

enfim...pancadas!!

beijocas sem batatas fritas

Gioconda Says:
6 de março de 2008 às 22:23

Ola ca estou eu... o Brize continuo novo desodorizante.....

Minha amiga o tempo passa, mas eu continuo tão parva como antes... não há hipotese... "há coisas que nunca mudam", eheheheh

Hoje ca consegui dar um saltito, gostei do novo blog que ainda não conhecia, gostei dos posts que li e gostava taaaaaaaaaanto de ter acesso ao tal blog que tem receitas a experimentar..... ehehehehe

Isso é uma boa ideia, é que eu imprimo tudo das receitas "a testar" e depois fico com pilhas de papel pelos cantos da casa e quando quer fazer qualquer coisa nova só de pegar naquele papel todo perco logo a vontade.... quem sabe se te vou emitar e criar também um blog para esse fim.... vês ????? Já ganhei qualquer coisa em ter aqui passado hoje.

Beijos com saudades.... que se passa connosco que nunca mais nos encontramos ??

Jojozinha Says:
7 de março de 2008 às 09:36

Olha BIG LOL
xD
Sabes que mais, so fazes é bem. Se eu sobesse cozinhar faria o mesmo!
Apreveita, és tão elegante que se nao comeres essas coisas - moderadamente - agr, quando vais comer? Sao os prazeres da vida :D
Podes pisar o risco, mas não o pises claro... e... cabeça na lua mas pés na terra! :D
Beijo enorme enorme! :D

Anónimo Says:
7 de março de 2008 às 09:48

Olá
Lá em casa também existem muitos livros de receitas, que nunca se olha para eles. Não é costume fazer-se muitas sobremesas, mas últimamente a minha mãe tem feito mais porque eu ando com vontade de comer coisas doces. Exitem alturas que dá para isto.
Um grande beijinho e bom fim de semana.
Arminda

turbolenta Says:
7 de março de 2008 às 11:13

Pois eu já cheguei à conclusão que o melhor é voltar ao tempo do antigamente. às receitas mais simples, menos elaboradas e com produtos mais fáceis de adquirir.No tempo do Afonso Henriques certamente não havia Cheesecake,nem pavê, nem pastéis de Belém. Mas havia: couves, nabiças e grelos, pão de milho, pouca carne e pouco peixe. Resumindo: faziam uma alimentação melhor e menos rica em açúcares, corantes, conservantes, enlatados, natas,etc...etc...etc...
Quem está dentro da razão?
Agora há mais variedade de escolha, mas nem por isso podemos dizer que é esta a melhor alimentação.
Longe disso!
Mudam-se os tempos....mudam-se as vontades...~E como eu digo: melhores dias ninguém espere.
Mas, voltando às receitas e à quantidade exagerada delas que por aqui há, sempre digo que: tenho em gavetas no sótão, em livros no escritório, apontamentos espalhados por tudo quanto é sítio... é demais!
Mas o mais engraçado é que, ao chegar a casa quase à hora da refeição, ela acaba por ser variadíssima! elaboradíssima! requintada!
Geleira aberta...
saem esticadinhos...
(para quem não sabe:esticadinhos é o pomposo nome com que aqui em casa se designa tudo quanto é bife(vaca ou perú),costeletas, bifanas etc...qualquer coisa que descongele depressa e que mais depressa ainda salte para o grelhador!)
lol lol lol
Quanto aos doces e companhia...
entram menos cá em casa mas mais que deviam entrar.
E eu não havia de comer nem um.

a propósito: ontem foi o dia estabelecido nesta linda cabecinha para iniciar uma dieta radical com vista à perda substancial de uns quilotes que o meu corpanzil tem a mais. Até Junho....guerra às banhas!
E no próximo catálogo de fatos de banho, lá vai estar a miss elegância: EU !
lol lol
Agora vou-me embora que já disse muita asneira!

Ana Says:
7 de março de 2008 às 16:07

Vai aqui: www.foodtv.ca eh um canal de culinaria 7 dias por semanas 24 horas por dia. Os meus favoritos sao:Ricardo and Friends, Barefoot Contessa, Everyday Italian, David Rocco, and French Food at Home, estao sao os que eu nao perco, teem receitas super simples mas daquelas que toda a gente gosta e passam para o nosso caderno de cozinha.
Hoje vou fazer uma receita que vi nesse canal e ja fiz milhentas vezes, a Xana adora, Torta Di Ricotta com peras caramelizadas, vou tirar fotos para veres.

Ana Garras Says:
7 de março de 2008 às 20:00

ahahahahahahahahahaha
Eu diria mais, não só estás maluca como não tens nada para fazer!!
Experimenta ter um filho e passarás os dias a comprar comida feita porque não tens tempo para cozinhar um bife quanto mais ala carte...
Amiga! Vens cá a casa ajudar-me???
:) Preciso desesperadamente de uma cozinheira e não me importo nada que faças coisas novas :)
Jinhux

Cristina Says:
8 de março de 2008 às 12:58

Não estás doida, apenas aprecias culinária e gostas de fazer coisas diferentes e diversas...eu cá não tenho paciência para isso, mas cada um com a sua mania

:)

beijinhus e bom fim de semana

:))

_+*A.Elite in Paris & Montpellier*+_ Says:
9 de março de 2008 às 09:09

Framboesa, acreditas que deixei o teu blog ligado desde sexta feira na caixinha de comentarios e tinha esquecido que afinal nao tinha escrito? aiiii qe despassarada, eu sei...

Como eu gosto de ler as tuas aventuras tao gastronomicas... aposto que apesar de tudo ter mudado de novo, isso nao deve tirar o gosto ao teu marido das coisas boas que lhe preparas... dizem que inovacao e supresas sempre ajudam a renovar as coisas, certo?

Mas... como fazes para usar MEIA GEMA????????? :D

Beijo meu, e bom final de semana :)

A Elite

_+*A.Elite in Paris & Montpellier*+_ Says:
9 de março de 2008 às 09:25

Acho que te vou dar uma ideia que vais adorar: se descarregas as vezes series ou programas na internet, descarrega o programa TOP CHEF, sao 12 ou 14 episodios.

No inicio, sao uma 15zena de concorrentes que querem ser CHEF... ves de todos os pratos, decoracoes, experiencias, acho que o programa tem tudo a ver contigo :)

Beijo meu de novo,

A Elite

caralinda e companhia... Says:
9 de março de 2008 às 20:20

Voltei mas d emodo diferente como já sabes...beijinhos

Framboesa Says:
10 de março de 2008 às 11:58

Ai Ana!!!!mas tu achavas que eu não tinha esse site nos meus favoritos?!lol....

Ana Garras!tenho sim, tenho muito que fazer...mas cm demoro o mesmo tempo a fazer comida nova q a fazer comida tradicional, e como não gosto muito de comida congelada...optei por variar :-)

bjokas :-)

Bolota Says:
10 de março de 2008 às 13:32

Ah pois estás!!!
Mas não estás sozinha no mundo... eu e mais uns milhares estamos contigo!!!
Eu andei nas arrumações e nem te passa pela cabeça a quantidade de recortes, páginas, pastas e afins, me vieram parar ás mãos cheinhas de receitas deliciosas que nunca fiz... achas que as deitei fora??? Nã... voltei a guarda-las religiosamente...

O meu vício agora chama-se bimby e faço tudo naquilo!
Bjos :o)